quarta-feira, 28 de maio de 2014

Pedaços de Diário



Por isso acredita, há um anjo que te pega na mão e que sabe os teus caminhos
- fecha os olhos, sente-o, escuta-o, há uma lasca de luz a amparar-te a alma.
Quase nunca a vemos, é invisível, intangível, mas repara, por vezes pode estar dentro de um amigo, é que os anjos pedem a mão emprestada para nos acariciarem, para nos tocarem na carne, eles que não têm carne. São gestos humanos, mas afagos divinos que nos salvam.
Queria ser a mão do teu anjo e salvar-te, mostrar-te o caminho!
Gaivota, queria ser a mão do teu anjo, libertar-te dessa escuridão em que te deitas, desse sonho apagado em que te escondes… »

João Morgado, In - Diário dos Imperfeitos

Sem comentários:

Publicar um comentário